Pesquisar este blog

Seria o Orkut o Big Brother?

Em primeiro lugar, queria dizer que o Big Brother citado no título é o personagem do livro 1984, do George Orwell, e não aquele programa idiota exibido pela poderosa e que, muito provavelmente, e infelizmente, daqui a um mês e meio terá início mais uma edição.

A Luciana (Lú) me mandou, por e-mail, um texto muito interessante escrito pelo professor de informática da USP, Marco André Vizzortti e que interessa muito a quem tem conta no Orkut. Especialmente àqueles que "arreganham" a vida pessoal no orkut, colocam fotos mostrando toda a vida, dão todos os seus detalhes pessoais, e depois reclamam da falta de privacidade do ambiente.

O texto está abaixo:
O ORKUT apareceu como uma forma de contatar amigos, saber notícias de quem está distante e mandar recados.

Hoje está sendo utilizado com o propósito de, creio ser o seu maior trunfo, obter informações sobre uma classe privilegiada da população brasileira.

Por que será que só no Brasil teve a repercussão que teve? Outras culturas hesitam em participar sua vida e dados de intimidade, de forma tão irresponsável e leviana.

Por acaso você já recebeu um telefonema que informava que seus filhos estavam sendo seqüestrados? Sua mãe idosa já foi seguida por uma quadrilha de malandros? Já te abordaram num barzinho, dizendo que te conhecia faz tempo? Já foi a festas armadas para reencontrar os amigos de 30 anos atrás e não viu ninguém?

Pois é. Ta tudo lá. No ORKUT.

Com cinco minutos de navegação eu sei que você tem dois filhos, tem um namorado, estuda no colégio tal, freqüenta cinemas. E o melhor de tudo, com uma foto na mão, identifico seu rosto em meio a multidões, na porta do seu trabalho, no meio da rua.
Afinal, já sei onde você está. É só ler os seus recadinhos.

Faço um pedido:

Quem quiser se expor assim, faça-o de forma consciente e depois não lamente, nem se desespere, caso seja vítima de uma armação. Mas poupe seus filhos, poupe sua vida Íntima. O bandido te ligou pra te extorquir dinheiro também porque você deixou. A foto dos meninos estava lá. Teu local de trabalho estava lá.
A foto do hotel 5 estrelas na praia estava lá. A foto da moto que está na garagem estava lá.

Realmente somos um povo muito inocente e deslumbrado. Por enquanto, temos ouvido falar de ameaças a crianças e idosos. Até que um dia a ameaça será fato real. Tarde demais.

Se você me entendeu, ótimo!

Reveja sua participação no ORKUT, ou ao menos suprima as fotos E imagens de seus filhos menores e parentes que não merecem passar por situações de risco que você os coloca.

Se acha que não tenho razão, deve se achar invulnerável. Informo que pessoas muito próximas a mim e queridas já passaram por dramas gratuitos, sem perceber que tinham sido vítimas da própria imprudência.

A falta de malícia para a vida nos induz a correr riscos desnecessários. Não só de ORKUT vive a maioria dos internautas. Temos uma infinidade de portas abertas e que por um descuido colocamos uma informação que pode nos prejudicar. Não conhecemos a pessoa, ou as pessoas que estão do outro lado da rede. O papo pode ser muito bom, legal. Mas disponibilizar informações a nosso respeito pode se tornar perigoso ou desagradável.

Portanto, cuidado ao colocar certas informações na Internet.

PS: Passe a todos que você conhece e que utiliza o ORKUT, 1Grau, Gazzag, NetQI, Blogs, Flogs, Skype etc..., para que todos tenhamos consciência sobre o assunto e possamos colaborar com a diminuição do crime.

PS: Mesmo que o orkut dê a opção de bloquear fotos e recados, já existem programas "muitos usados" que desbloqueiam.
Existe uma frase, bem boba, mas que é verdade: "Se você não quer que saibam algum detalhe da sua vída, não conte para ninguém". Eu disse, a frase é bem boba, bem idiota, mas é verdade. Ambientes como Orkut, netQI, Gazzag, Facebook, MySpace e outros sites de relacionamento são feitos para as pessoas se exporem. Tenha cuidado ao colocar qualquer dado pessoal.

E com relação ao bloqueio dos recados e das fotos, realmente não dá para confiar muito nesses bloqueios. Já foi comprovado de que a segurança do Orkut é extremamente falha. O meu segundo texto escrito nesse blog foi a respeito de uma falha de segurança do site. E realmente existem meios de burlar esse bloqueio.

Portanto, cuidado ao usar o Orkut.

Agradeço à Lú por ter me passado esse texto interessante e importante.

Está chegando mais um natal. Bem feito, Igreja!!

A motivação para escrever esse texto veio desse texto do blog do Monthiel e de um comentário que eu deixei no mesmo (mais precisamente esse comentário). Afinal de contas, muitas idéias para se escrever posts de blogs veem da área de comentários, seja a partir dos textos dos comentários, ou seja de um link vindo de um comentário, ou de um link vindo de um link vindo de um comentário.

Voltando ao assunto, que é o Natal. Vem chegando mais um fim de ano e mais um natal. Apesar que, fim de ano mesmo, eu considero quando há as chamadas para o especial do Roberto Carlos, da Xuxa, a missa do Galo e começam a tocar "Um novo tempo". Como nada disso aconteceu, para mim não é fim de ano.

Bem, está chegando mais um natal, e como em todo o natal, eu dou um grande bem feito para a Igreja Católica. Sim, afinal de contas ela que sempre foi contra o socialismo e o comunismo (talvez por causa da citação do Marx, de que "A religião é o ópio das massas"? Será por isso?) e sempre foi a favor do capitalismo não sabia o que esse último aprontaria.

Por causa do capitalismo, o dia 25/12, a data mais importante do cristianismo perdeu completamente o seu significado. O Natal deixou de ser uma data com fins religiosos, para virar a mais importante data comercial do ano. Pequenos e grandes comerciantes e centros comerciais registram recordes de vendas, de faturamento e de arrecadação nessa época do ano.

Pois é, o Natal virou uma grande farra capitalista. Aliás, não só o Natal, como a Páscoa também.

Por causa disso, é que eu digo à Igreja Católica, ao Vaticando e ao Papa o seguinte: Se fuuu... ferraram.

Só que há coisa pior que isso que eu escrevi no Natal. É a programação da TV aberta. Todo ano é a mesma porcaria. Os mesmos programas, os mesmos "especiais", os mesmos eventos. A mesma chatice. Além disso, há a hipocrisia das pessoas. De repente todo mundo fica bonzinho nessa época do ano.

Com tudo isso, a melhor coisa a se fazer é se reunir com aqueles parentes (em especial os tios, primos e sobrinhos) que a gente só encontra nessa época do ano (e em velórios, como bem disse o Monthiel).

A verdade sobre Maísa Silva.

Muito se fala sobre a pequena Maísa, a estrela, a celebridade do momento. A criança que é entrevistada pelo homem do baú todo domingo.

Praticamente todo mundo fala sobre Maísa. O CQC então, nem se fala.

Quem é Maísa? Seria ela um anão disfarçado? Seria uma boneca? Um robô? Uma criança (muito) precoce? Seria, tão somente uma menina espontânea? Ou uma criança prodígio?

Bem, agora vocês vão saber de tudo. O charges.com.br descobriu qual é a verdade. E se você quiser saber também, é só visitar essa página e se espantar com o que há por trás da pequena Maísa.

GoogleCubo: Spammer, idiota e mentiroso.

Nessas últimas semanas, eu recebi vários e-mails de um tal de GoogleCubo. O tal site funciona vendendo "cubos" (pixels) para fins de publicidade.

Mas nessa tal de Internet, as coisas não acontecem só com uma pessoa. Lendo esse texto do Rafael Slonik, esse outro texto do blog AbrindoJogo e os comentários deixados em ambos os textos, percebi que várias pessoas já receberam diversas mensagens desse tal de GoogleCubo, seja por e-mail, seja por comentários nos blogs.

A idéia por trás do site não é novidade. É baseada no site The Million Dollar Homepage, uma página criada por um estudante britânico que consistia em vender pixels, a 1 dólar, de uma imagem 1000 x 1000. Uma idéia simples e que fez do estudante um milionário.

Pois então. A diferença desse site para o GoogleCubo, é que o primeiro:
  • Não enviava e-mails não autorizados para os outros.
  • E não usava o nome de grandes empresas indevidamente.
É isso mesmo. O GoogleCubo usa de nomes de grandes empresas indevidamente para dar a aparência de ser algo legal. Já começa pelo próprio nome do site, que usa o nome do Google. Logo depois, usa os nomes e logotipos do Shoptime, Limão, Casio, Tok&Stok.

O Rafael perguntou ao Casio se eles realmente tinham aderido ao GoogleCubo. Eu perguntei ao Tok&Stok e ao Limão. O Tok&Stok, até agora, não me respondeu. Já o Limão me respondeu e confirmou o que era óbvio:
Nós não compramos nenhum espaço no site GoogleCubo, a imagem do Limão foi colocada sem autorização.
Nós também já informamos o departamento responsável por aqui.
Aqui fica o recado. O GoogleCubo é spammer, é mentiroso e, muito provavelmente vai acabar tomando no cubo, por usar nomes de grandes empresas de maneira indevida. E por causa disso, não vou colocar o link do site aqui. Não vou promover spammer.

E tem um outro spammer idiota que está me enchendo tanto o saco, que eu vou usar a idéia do Manoel Netto de criar uma lista negra de spammers. Aguarde e confie.

Música emo é a moda.

Encontrei um vídeo a respeito da música e da onda emo. Por motivos que ficarão mais claros ao ser lido o texto, não vou deixar esse vídeo embedded na página, mas vocês poderão ver o vídeo clicando nesse link.

Na descrição desse vídeo aparece a seguinte citação:
Metaleiros encarem os fatos
Emocore é a nova moda
Aceitem as mudanças ou pelo menos deixem de preconceito.
Eu, como apreciador de todas as formas de rock, tenho de admitir que realmente a música emo, e ser emo é a moda. E por dois motivos eu admito isso:
  1. O primeiro é porque moda é coisa de biba.
  2. O segundo é que moda é algo finito. Toda moda tem um início, um auge, um declínio e um fim. Dizer "moda passageira" é uma redundância.
É isso mesmo, meu caro povo emo. Um dia essa merda onda emo vai chegar ao seu fim. As bandas emos não vão ser mais tocadas, não vão ser mais ouvidas e ninguém mais vai se lembrar delas.

Já o rock não é moda. Ele continua firme e forte desde quando começou e vai continuar assim até quando o mundo acabar.

Se duvidam de mim, é só ver quantos fãs tem, por exemplo, Black Sabbath, Iron Maiden, ACDC, Led Zeppelin, Pink Floyd, Beatles, Rolling Stones, Queen, Ozzy Osbourne, Kiss, Nirvana, Motorhead, Moonspell. Para não falar que eu só escuto rock internacional, cito também Paralamas do Sucesso, Legião Urbana, Ultraje a Rigor, Renato Russo, Rita Lee, Sepultura, Angra, Shaaman, Raul Seixas. Em compensação, quantos fãs as suas bandinhas emo possuem?

E outra coisa que eu queria perguntar: Dessas bandas e cantores de rock, quantas vezes alguém aqui já ouviu alguma música deles nas rádios? Quantas vezes alguém já viu algum clipe deles nos canais de televisão? E com relação às bandas emo, quantas mil vezes vocês já ouviram alguma música delas nas rádios?

Pois é, é difícil você ouvir alguma música de banda de rock nas rádios. Mas mesmo assim, elas possuem milhares de fãs espalhados pelo mundo. O que mostra que eles não precisam disso. Já as bandas emo...

E mais uma coisa. Vá ao Youtube e veja clipes e shows de bandas de rock e veja clipes e shows de bandas emo. Compare, quem na média, tem mais visitas.

Portanto, meus caros emos, depois de tudo isso que eu escrevi (e de algumas outras coisas a mais), eu tenho que admitir que vocês estão certos. Bandas emo são, realmente, a moda da atualidade. E, como toda moda, um dia vai passar. Só espero que esse dia chegue logo.

E abaixo, alguns textos relacionados e que eu usei para escrever esse meu texto:

O porquê de eu ter demorado para postar outro texto.

Para falar bem a verdade, até que não foi tanta demora assim, apenas quatro dias. Já houve épocas em que eu fiquei bem mais tempo sem postar nada.

Pois bem, vou falar o motivo. Ou melhor, os motivos. O primeiro motivo foram os diversos compromissos e diversas tarefas de serviço a serem realizadas. E o segundo motivo foi por causa do site Akinator, the Web Genius.

O site é um jogo, em que um gênio faz diversas perguntas sobre uma pessoa, de tal maneira a descobrir qual a pessoa que o usuário estava pensando. E em quase todas as vezes ele acerta. Eu disse pessoas, mas não precisa necessáriamente ser pessoas famosas existentes (sejam políticos, cantores, escritores, apresentadores de TV, filósofos, engenheiros, empresários e outros). Podem ser personagens de filme, personagens de seriados, personagens de desenho animado, mascotes e até personagem de jogos eletrônicos e videogames. Algumas pessoas e personagens que eu pensei e que o gênio acertou: Silvio Santos, Pica-pau, Leôncio (da turma do Pica-pau), personagens do Mario Bros (Mario, Luigi, Wario, Waluigi, Bowser, Yoshi, Princesa Peach, Toad, Toadette, Princesa Daisy, Koopa Troopa, Boo, Princesa Rosalina), Chuck Norris, Harry Houdini, Luís Carlos Prestes, Enéas Carneiro, Eddie the Head (o mascote do Iron Maiden), Luiz Carlos Alborghetti (o mestre Dalborgha), o Cardoso (quer dizer, Dr. House, com apenas 12 perguntas), Cuddy (a assistente do Cardoso Dr. House), Maísa (é a Maísa que vocês estão pensando), Zé do Caixão (não estava inscrito como Coffin' Joe), Richard Stallman, Steve Ballmer (DEVELOPERS! DEVELOPERS! DEVELOPERS!!), Steve Wozniak, Machado de Assis, Leônidas da Silva, Chapolim Colorado, Groucho Marx, Roger Waters, David Gilmour, Antônio Ermírio de Moraes, Jesus Cristo, George Carlin, George Foreman (outro George), Donald Knuth, Goethe, Edsger Dijkstra, Capitão Nascimento (é sério seu fanfarrão). Esses foram alguns.

E o mais interessante é que algumas pessoas e personagens não têm a foto, de tal maneira que o usuário pode mandar uma imagem. E além disso, o usuário pode adicionar perguntas referentes à pessoa ou ao personagem.

Qual a mágica por trás da brincadeira? Apenas algumas técnicas de inteligência artificial, técnicas de diagnóstico, classificação e data mining. Além de um banco de dados enorme com as perguntas e informações sobre essas pessoas e esses personagens.

Quem quiser curtir o jogo é só apontar o navegador para o site http://www.devinettor.com. Só que há um inconveniente. Como o site é muito acessado e tem que gerenciar uma grande quantidade de dados, frequentemente ele se encontra fora do ar. Fora isso, eu recomendo que você não acesse o site no trabalho, ou sua produtividade pode ir lá para baixo.

O povo é idiota.

É isso mesmo. Sem ser discreto ou politicamente correto é o que eu penso depois de algumas coisas que aconteceram comigo essa semana.

A primeira coisa que aconteceu foi quando eu estava indo até o shopping resolver algumas pendências. Isso foi de manhã e incrivelmente havia um congestionamento surpreendente. Aií eu me dei conta: O Wal-Mart estava inaugurando duas unidades em Campinas. Pronto. Além do congestionamento, não havia lugar para estacionar o carro. Isso sem contar no formigueiro que estva dentro do supermercado. Tinha fila para o imaginável e o inimaginável. Poxa vida. Será que esse pesosal nunca foi para um Carrefour, Extra, Casas Bahia ou Pão de Açucar? Me senti igual ao Noronha quando ele enfrentou a mesma odisséia.

A outra coisa foi com relação a uma notícia. A notícia tinha a ver com registro de nomes de pessoas. Pelo visto, foi-se o tempo em que os nomes a se dar a uma criança eram Pedro, João/Joana, Carlos/Carla, Paulo/Paula, Luís/Luísa e outros. Esses nomes são tão simples, ou tão demodês. O negócio agora é dar a criança um nome esquisito diferente. E essa vertente é composta de artistas, cantores, pseudointelectuais e pobres, que adoram dar um nome enorme para o(a) filho(a), cheio de "k", "w" e "y", terminado em "an", "on", "ane", "ene", e que tenha "ll", "nn", "sh", "sch". Maiores detalhes podem ser vistos nessa notícia. Junto com a notícia vem um monte de nomes de gente que, muito provavelmente, usou o gerador de nome de pobre do morróida.

E o pior é que quando é um artista, ou um pseudointelectual que dá um desses nomes, é excentricidade, quando é um pobre, é idiotice. Não tem essa! Artista, cantor, pseudointelectual ou pobre que dão esses nomes para os filhos, são idiotas, irresponsáveis e sem noção.

Depois esses pais não sabem porque o filho vira motivo de piada, de chacota, de escárnio dos colegas da escola, ou porque o filho cresce triste e revoltado com o mundo. Tem que juntar esses pais e bater neles com gato morto até o gato miar.

O Acre existe sim!

Muito se diz e se escreve por aí de que o estado do Acre não existe. Inclusive a celebridade do momento pensa que o Acre não existe, como pode ser visto no vídeo abaixo:



Mas ninguém está 100% certo. E dessa vez, essa fonte de informação está errada. O Acre existe sim e a prova é de que o Guarani vai jogar hoje contra o Rio Branco, na cidade de Rio Branco, que fica no (adivinha) Acre.

Estado que não existe mesmo é Roraima, e desta vez a maior fonte de informação do planeta está certa. Principalmente pelo fato de ninguém saber qual a forma correta de se dizer o nome do estado. Alguns falam "Roraima" com o "o" e o "a" fechados; e outros falam "Roraima" com o "o" e o "a" abertos. Decidam-se qual a pronúncia!

Top 50 dos piores blogs.

Domingo agora o J. Noronha (o que será que o J significa? Alguém sabe?) divulgou uma lista com os 50 piores blogs de 2008.

E como era de se esperar, o meu não esteve presente nessa lista. Não tive nenhuma divulgação. Puxa vida. :(

Mas até que era de se esperar, afinal de contas comecei apenas agora. Nem tenho um ano de existência. Ainda tenho um longo caminho a seguir.

E, meio que mudando de assunto, discordo com o que escreveu o Padrão Iogurte em relação aos comentários. Sinceramente eu quase não vi, dentre os 7187289238328321939312892318213812981 quase 200 comentários, comentários de gente que subiu nas tamancas por causa da lista. Pelo contrário, vi muita gente que gostou de estar na lista e muita gente que gostaria de estar nessa relação.

O que dá para entender. Afinal de contas, como disse Oscar Wilde: "Pior que falar da gente, é não falar da gente".

E, para ser referenciado e linkado por um dos blogs de maior visitação do país, vale qualquer coisa. :)

Teleton 2008

Fiquei sabendo através dos blogs do Interney, do Novo Mundo, do Anderssauro e do Gerador de Improbabilidade Infinita a respeito do início do lançamento de mais uma campanha do Teleton.

A campanha acontecerá nos dias 7 e 8 de novembro (sexta e sábado agora), como de costume, no SBT, mas o período de doações já começou.

A AACD, que realiza essa campanha desde 1998, registra os seguintes números:
  • Construção de 8 Centros de Reabilitação.
  • 955 pacientes treinados e contratados por empresas.
  • 468.659 aparelhos ortopédicos confeccionados.
  • 2.857 alunos alfabetizados na AACD e que fizeram e fazem parte da rede pública de ensino.
  • 7.988.611 atendimentos realizados.
Esse ano, o Teleton lançou um blog. Se você quiser ficar por dentro do que é feito pela AACD, pode visitar o blog. O blog ainda tem um link para fazer doações. Caso você não consiga achar o link para doações, você pode clicar aqui.

Contribua, fazendo uma contribuição, ou divulgando essa idéia. Divulgando o blog do teleton.

E se você puder fazer uma doação, faça. É muito melhor doar para a AACD, com a certeza de que cada centavo será usado da melhor maneira, do que dar uma porcaria de dízimo para uma instituição que não paga um centavo de imposto (artigo 150, inciso VI da constituição) e ficar com o receio de que esse dinheiro vá parar na conta de algum bispo ou pastor salafrário.

Mais uma genialidade proposta pelo excelentíssimo senador Eduardo Azeredo.

Todo mundo conhece o excelentíssimo senador Eduardo Azeredo. Se não conhece, eu digo quem é. É aquele senador que quer controlar a Internet (veja aqui e aqui). Também é aquele político que esteve envolvido no mensalão mineiro, o percursor do mensalão e que se beneficiou com o valerioduto na campanha de 1998 (veja sobre isso aqui, aqui e aqui). E que responde muito bem e educadamente aos cidadãos, condecorando-os como pessoas de má-fé.

Pois é, depois de apresentado o currículo do excelentíssimo senador do estado de Minas Gerais eis que, de novo, ele entra em cena e com mais um projeto de lei absurdo e ridículo. O tal projeto visa acabar com a meia-entrada dos estudantes nos cinemas (de finais de semana e feriados) e nos teatros e shows (de quinta a sábado). A mesma coisa também vale para quem tem mais de 60 anos. Maiores detalhes podem ser vistos nessa notícia.

Eu fico pasmo como os membros do legislativo criam leis que atingem a população. E justamente no órgão mais sensível, que é o bolso. Eu imagino aqueles estudantes que estudam integralmente, ou então aqueles estudantes que trampam o dia todo e estudam a noite. Esse pessoal só tem os finais de semana e feriados para ir ao cinema, ou então a um show, ou ao teatro. Com esse projeto, esse pessoal vai sofrer as consequências. E outra coisa, com os ingressos mais caros, vai dificultar o acesso à cultura e aos eventos culturais. Que grande incentivo e fomento à cultura, não? Melhor transformar a putaria do funk em "manifestação cultural", que é mais importante.

Além do veto à meia-entrada, o projeto também visa acabar com a emissão de carteirinhas estudantisa falsas. OK, é realmente preciso acabar com isso, já que falsificação de documentos é crime. É algo que tem boas intenções, mas como diz o ditado, de boas intenções, o inferno está cheio. O projeto visa a criação de um "Conselho Nacional de Fiscalização, Controle e Regulamentação da meia-entrada e da identidade estudantil" (entenda-se como mais um órgão governamental que terá sua criação superfaturada e que servirá para desvio de dinheiro público) e a criação de um documento único. E, como era de se esperar, quem está muito interessada nisso é a UNE, que quer monopolizar a distribuição do documento, cobrar pela distribuição do documento e encher o rabo de dinheiro. E assim funciona a militância socialista e anticapitalista da UNE.

Maiores informações sobre o projeto, podem ser vistas nesse texto do blog SkooterWeb; e nesse texto do blog Nódoa do Universo.

PS: Realmente, o jornalismo brasileiro é um lixo. Praticamente todos os portais de notícia publicaram sobre o projeto de lei. Só que todos se só esqueceram de um detalhezinho: Qual o número do projeto de lei? Felizmente o site do senado divulga os projetos criados. E o tal projeto é o PLS 188/2007.
 

Eu sei quem você é

Em sei quem você é, de onde você é o que você está usando para acessar a Internet. Duvida? Então toma:


Powered by IPAddressLocation.org

Se quiser me xingar, vai em frente. Mas o seu IP ficará registrado.

Feeds do blog

Assine o feed do blog
Assine o RSS.

Insira seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

Histórico

Texto aleatório

ALEA IACTA EST