Pesquisar este blog

Ainda bem que Deus é amor - 2.

Eu já havia usado esse título numa outra postagem falando a respeito da bondade do Deus dos cristãos, o quão maravilhoso é o Deus dos cristãos, as manifestações do poder de Deus e o que pode acontecer com as pessoas caso faça alguma coisa que Deus não goste.

Nesse texto eu vou falar sobre o que acontece com as pessoas que zombam, ou brincam com o maravilhoso, o bondoso, o generoso Deus dos cristãos.

Quer dizer, eu não vou falar nada. Quem vai fazer isso é o vídeo abaixo, que fala por si só. Assistam a bostagem o vídeo abaixo:


Link para o vídeo

Dizer o quê? O Deus dos cristãos é muito bonzinho, não acham? Só que ele é emo demais para o meu gosto. Qualquer piadinha ele logo se zanga e fica triste? E como um ser onipotente, decide descarregar a sua brabeza, tristeza e poder nos outros. E aí decide matar várias pessoas. Como eu disse na outra postagem, o Bom Emir deve sentir uma tremenda inveja disso.

Os links da semana - 3

Mais uma relação de textos que me chamaram a atenção nessas semanas:
É isso. Até a próxima.

Para quem acha que o mundo vai acabar em 2012.

Existe uma corrente de pessoas que dizem que o fim do mundo será no ano de 2012 porque, dentre outros motivos, o calendário maia encerrava-se nesse ano. Não tinha no calendário o prosseguimento para os anos de 2013, 2014, 2015 e assim por diante.

Só que o que essas pessoas não sabem era o que acontecia quando os maias estavam escrevendo o calendário até o ano de 2012, nem sabem o que se passava com os funcionários do rei responsáveis por escrever o calendário.

Pois bem, vocês não sabiam. Agora vão saber. É só assistir o vídeo abaixo:


Era isso que se passava pela cabeça dos funcionários que faziam o calendário até o ano de 2012. Taí. Vocês foram avisados.

E para aqueles que, realmente, acreditam que o mundo acabará em 21 de dezembro de 2012, saibam que essa é só mais uma das 220 datas anunciadas para um provável fim do mundo. E essa histeria já começou logo no ano 44 d.C.

Eis o twitter sendo usado para algo (muito) importante.

Já disse algumas vezes aqui no blog que considerava o twitter o serviço mais sem graça, utilidade, finalidade e, conforme disse o professor Sérgio, irrelevante da tal web 2.0, e só tem a enormidade de usuários que tem graças ao grande hype gerado em torno dele.

Só que acabei descobrindo um usuário que faz do serviço uma importante arma de denúncia e fez com que eu repensasse sobre a frase escrita no parágrafo acima (exceto pela parte do hype). Um usuário de codinome @bocadesabao usa a sua conta no twitter para publicar denúncias que ele recebe, via e-mail, de abusos, irregularidades, falta de ética e casos de corrupção envolvendo a polícia militar do Rio de Janeiro. Como vocês já devem imaginar, ele está tirando o sono das autoridades da cidade e já foi ameaçado de morte.

Maiores informações vocês podem ter lendo essa notícia da Info.

[Atualização]

Confira aqui, uma entrevista com o "linguarudo".

UNIBAN: Uma vergonha!!

Pois é pessoal, fiquei sabendo de um acontecimento envolvendo o estabelecimento de ensino de nome Universidade Bandeirante, também conhecido pela alcunha de UNIBAN.

E foi um acontecimento vergonhoso. Muito vergonhoso. Um acontecimento que jamais poderia acontecer num estabelecimento de ensino (pelo menos nos mais sérios). Um acontecimento que mancha a história do estabelecimento, de seus fundadores e dos alunos como um todo.

Sim, meus caros, um acontecimento muito vergonhoso. Chega de mais delongas. Vou falar qual foi esse acontecimento. Esse tal acontecimento vergonhoso envolvendo a universidade foi a má avaliação de onze cursos da instituição no ENADE de 2008. Sim, segundo essa notícia no portal aprendiz, onze cursos da universidade receberam nota 2 no exame nacional de desempenho dos estudantes, o que é uma péssima nota. A universidade só não foi pior que a UNIP, que teve treze cursos com nota baixa.

Ainda na notícia, "Segundo o Ministério da Educação, esses cursos não têm condições de continuar funcionando". É, não têm condições de continuar funcionando, mas continuam com suas atividades, ininterruptas, firmes e fortes, enchendo o cu de dinheiro de uma meia dúzia de empresários e jogando no mercado um monte de profissionais desqualificados.

Uma coisa dessas você só vê no Brasil. Graças à proliferação das universidades particulares, em que qualquer lugar vira uma uniesquina, fapone ou uma fabriqueta de diploma.

Não é a toa que eu digo e repito isso sempre: Universidades e faculdades de verdade MESMO, são as públicas. Apesar de todos os problemas por que passam (diminuição de repasse, corte de verbas, precarização, sucateamento, ameaça de privatização) elas continuam a ser o que há de melhor no ensino superior brasileiro.

Descobri esse fato por meio dessa tuitada do Dahmer.
 

Eu sei quem você é

Em sei quem você é, de onde você é o que você está usando para acessar a Internet. Duvida? Então toma:


Powered by IPAddressLocation.org

Se quiser me xingar, vai em frente. Mas o seu IP ficará registrado.

Feeds do blog

Assine o feed do blog
Assine o RSS.

Insira seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

Onde me encontrar

Onde podem me encontrar

Histórico

Texto aleatório

ALEA IACTA EST