Pesquisar este blog

Links da semana - 26

E no penúltimo dia do mês de março (caralho, o primeiro trimestre de 2012 já foi pro saco), fiquem com mais alguns textinhos interessantes:

E é isso. Feliz fim de trimestre.

A coisa está tão ruim assim, Abril?

E eis que depois de anos me estressando com a carroça que eu usava para navegar na Internet e realizar outras coisinhas, decidi comprar um novo computador. Não foi um Mac, pois não sou tão rico assim, porém também não foi um Positivo ou um CCE, afinal não sou tão pobre assim. E além disso eu me dou ao devido respeito. Foi um HP Pavilion.

Mais eis que ao quando em comprei o meu novo computador, eis que fui premiado com um sensacional produto. Junto com o computador eu teria... acesso grátis por 3 meses das versões digitais das revistas da Abril.

Olha só o que veio na caixa:

Tudo bem que as principais revistas e jornais do país estão passando por uma queda nas vendas, mas será que a coisa está tão ruim assim? Será que no caso da Abril a coisa está tão ruim para que eles tenham que se aliar com empresas que nada tem a ver com a Abril?

Voltando ao produto. A promoção diz que eu tenho acesso por 3 meses das versões digitais de revistas como Você S/A, Superinteressante, Exame, Elle. E não se esquecer das melhores de todas, que são a Info a Veja. Detalhes dessa sensacional promoção podem ser vistos aqui. Enfim, produtos de altíssima qualidade. Obrigado, mas não, obrigado.

Se a situação da Abril está ruim, eu acabei de piorar mais um pouco, heheheheh.

Aos que sofrem de democratite acutíssima.

Uma das coisas que mais me irrita na Internet (eu me irritar com coisas na Internet? Isso quase não acontece) é o pessoal que sofre de democratite acutíssima. É aquele pessoal que se dá ao direito de dar uma descarga cerebral e soltar todos os seus excrementos encefálicos em blogs e fóruns. Aí o dono decide agir com bom senso e remove a bostejação cerebral do manezão e o manezão começa a xingar muito (pode ser no Twitter) o dono, começa a falar em autoritarismo, costuma lembrar que não estamos mais na ditadura, exige democracia e o diabo a quatro.

Pois bem, para o pessoal que sofre de democratite, eu faço o seguinte pedido. Aja sempre de maneira democrática. Respire a democracia. Condene qualquer tipo de autoritarismo (afinal de contas, não estamos mais na ditadura). E comece a realizar todas essas ações a partir de você mesmo. Comece permitindo que todo mundo tenha acesso livre a sua casa, acesso as suas correspondências e acesso a sua vida íntima. Ué, se é para ser democrático, que seja democracia total. Que todo mundo possa, democraticamente, adentrar a sua residência, ver suas correspodências e tenha acesso a sua vida íntima.
Você está maluco?? Isso jamais!!! Na minha casa entra só quem eu quero. As minhas correspondências ninguém lê e a minha vida íntima ninguém dá pitaco. E se alguém se intrometer na minha vida, eu meto um processo.
Nossa, quer dizer que na sua casa só entra quem você quer que entre? Quer dizer que você não permite que ninguém leia as suas correspondências? Quer dizer que você não permite que ninguém dê pitaco na sua vida? E ainda por cima quem se intrometer você ainda processa? Mas que coisas mais autoritárias. Que coisas mais ditatoriais.

Pois saibam, queridos, que essas coisas extremamente autoritárias e ditatoriais são direitos.

Aliás, digo mais, essas coisas extremamente autoritárias e ditatoriais são direitos individuais. Aliás, digo mais, essas coisas extremamente autoritárias e ditatoriais são direitos constitucionais. Está lá na Carta Magna, no famoso artigo 5°:
[...]
X - são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação;
XI - a casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo penetrar sem consentimento do morador, salvo em caso de flagrante delito ou desastre, ou para prestar socorro, ou, durante o dia, por determinação judicial;
XII - é inviolável o sigilo da correspondência e das comunicações telegráficas, de dados e das comunicações telefônicas, salvo, no último caso, por ordem judicial, nas hipóteses e na forma que a lei estabelecer para fins de investigação criminal ou instrução processual penal;
[...]
Olha só que coisa. A constituição dá suporte a essas coisas autoritárias e ditatoriais.

Aliás, digo mais (é a última vez que uso essa frase. Prometo). Essas coisas extremamente autoritárias e ditatoriais são cláusulas pétreas. O que quer dizer que não pode ser mudada via emenda constitucional. Só pode ser mudada com uma nova constituição. Ou seja, enquanto continuar vigorando a constituição de 1988, essas coisas extremamente autoritárias e ditatoriais continuarão valendo.

O camarada Caipira, nesse texto, disse uma frase que eu gostei muito e quem tem a ver com esse texto. A frase é: A democracia é mantida por aparatos antidemocráticos. A frase é perfeita. A polícia militar não é democrática, a decisão de um juiz não é democrática, casas não são democracias, correspondências não são democracias, vidas particulares não são democráticas e blogs e fóruns não são democracias. Os donos de blogs e fóruns dedicam seu dinheiro e/ou seu tempo (duas coisas valiosíssimas) naquilo e não têm que aturar idiotas falando merda, fazendo proselitismo ou escrevendo igual a um miguxo débil mental analfabeto.

Então fica esse recadinho para o pessoalzinho que sofre de democratite acutíssima.

Blogs políticos são uma merda!!

Eu encontrei esse texto do blog CMilFont que diz exatamente o que eu penso a respeito dos blogs políticos do Brasil. São uma merda. Uma porcaria. Uma belíssima bosta. Não há debate, não há informação, não há participação, não há fatos. Há apenas um bando de idiotas que repetem clichês ad nauseam, e quando não raro, apelam para conspirações cretinas, e defendem o seu lado, a sua ideologia e os seus políticos preferidos e o resto que se foda. E ainda por cima tem a petulância e a arrogância de achar que estão ajudando a melhorar o país.

Comecemos o tour pelo mar de cocô com o pior de todos, que é o Paulo Henrique Amorim e o seu bloguinho em que os parágrafos não têm mais do que duas linhas. Eu me pergunto como é que um jornalista pode escrever tão mal? Acho que nem um miguxo orkuteiro débil mental consegue escrever tão mal quanto o jornalista.

Depois temos Mino Carta, que enrola mais que a necessidade para responder uma pergunta (e não responde), a todo postos pronto para denunciar o golpismo de alguns setores da população e o golpismo do PIG (Partido da Imprensa Golpista). Afinal, qualquer crítica que se faça ao PT (mesmo que seja pertinente, válida, construtiva e decente) é tratada como golpe e o crítico é um golpista reacionário from hell.

Logo após temos Emir Sader que a partir de seu bloguinho comanda caça a todos os reacionários existentes no mundo.

Depois tem Zé Dirceu e um caminhão de óleo de peroba para cada texto. Logo em seguida temos José Eduardo Cardozo (sim, ele mesmo. Essa bosta desse ministro da justiça e que foi advogado do Daniel Dantas) e seu site/blog/portal/whatever que consegue ser pior que a sua atuação como ministro.

Depois temos Leonardo Sakamoto que... bem, dispensa qualquer tipo de apresentação e de explicação.

Logo em seguida temos o sensacional Rede Esgoto de Televisão, do magnífico Diego Beunizam, que ataca a Rede Globo em 11 de cada 10 postagens e de vez em quando, cita frases do fabuloso Danilo Gentili. Em outras palavras, ataca uma rede de televisão, mas gosta de citar frases ditas por um... apresentador de televisão. Seems logical.

E é isso. Mas se do lado esquerdo do chiqueiro a coisa é péssima, do lado direito a coisa consegue ser ainda pior. Quando não são blogueiros dissimulados que querem dar uma de apartidários, neutros, imparciais, equilibrados e equidistantes como o finado (e não fará falta alguma) a Nova Corja (e por ser finado, notem a ausência de link), Bruno Kazuhiro com o seu Justo e Independente, Sensato e Coerente (só faltou o modesto. E agora também finado. E também não fará falta alguma) Perspectiva Política (também sem link), Arthurius Maximus com o seu Visão Panorâmica (que também encerrou suas atividades, o que é ótimo. Menos um blog político) e um tal de Asno (pois não basta apenas ser blog político. Também precisa ser engraçaralho pra cadinho. Pena que não deu certo) são blogueiros obtusos que ainda acreditam no Estado mínimo e que acreditam que o mundo é comandado e dominado pelos darwinistas-comunistas-gays-ateus-satânicos como o Reinaldo Azevedo e Olavo de Carvalho (me recuso a colocar os links daquelas bostas de blog. Mesmo com nofollow), o finado (mais um que não fará falta) Imprensa Marrom, do Fernando Gouveia (a.k.a. Gravataí Merengue, ou então aspone da maconheira da soninha francine), o Yashá Gallazzi com o seu Construindo Pensamentos, o Orlando Tambosi (bleargh!!), o Aluízio Amorim (bleargh!! Bleargh!! Bleargh!!) o Políbio Braga (você conhece o Políbio Braga?), um tal de Reaçonaria (outro que não quer ser apenas um blog político, também quer ser engraçaralho pra cadinho. E acha que conseguiu isso escrevendo errado. Digno de um Zorra Total), outro chamado Direitas Já (mais um que quer ser engraçaralho pra cadinho. Não existe nada mais patético do que quem quer ser comicozinho usando trocadilho) e tem espaço até para um tal de cetiCUzinho politiCUzinho. E alguns além de obtusos que ainda acreditam no Estado mínimo e que acreditam que o mundo é comandado e dominado pelos darwinistas-comunistas-gays-ateus-satânicos também são idiotas esquizofrênicos oligofrênicos conspiracionistas, como um tal de Rodrigo Constantino e o Implicante. Sem contar os saudosistas da ditadura militar, como o Coronel. E não nos esqueçamos dos alarmistas neuróticos, como um tal de Lilicarabina, outro tal de Alerta Total e as tão úteis Organização de Combate à Corrupção e Revoltados Online (cuidado ao visitares um desses quatro sites, pois corres o risco de teres uma convulsão. Eu avisei).

Enfim, solamente porcaria. Porém nada, nada, absolutamente nada se compara com os tais blogs autointitulados, autonomeados e autoproclamados progressistas. Já falei aqui sobre esse pessoalzinho progressista. Ou melhor, pogreçista. É o reino do Ctrl+C, Ctrl+V, com muito pouco conteúdo original, ou seja, opinião própria do blogueiro. Ah, mas por que escrever um texto com opinião própria? Isso dá tanto trabalho e ainda tem que pensar. Usar o Ctrl+C, Ctrl+V é tão mais simples. E ainda dá a pinta de engajadinho.

Enfim, é esse o panorama dos blogs políticos da ilha de Vera Cruz. Depois não sabem porque brasileiro não gosta de política. Aliás não apenas não gosta de política como não tem interesse por política e sequer quer se informar. Adianta muito cagar regra e apontar o dedo falar que as pessoas têm que participar, se interessar e se informar mais a respeito de política com um cenário como esse.

Mas eis que no meio de tanta porcaria, há alguns blogs que valem uma visita. E um desses é o ImprenÇa (dessa vez, sem nofollow), do camarada Caipira, que além de falar sobre política fala também sobre bobagens que os jornalistas dizem (jornalista dizendo bobagem? Isso quase não acontece, não é mesmo?).

Observação: Texto (constantemente) revisado e revisitado, afinal a quantidade de blogs políticos de bosta que existe em Pindorama é enorme. E sempre aparece (e sempre descubro) mais um.

Redes sociais do Brasil-sil-sil. Mais do mesmo. Ou nem mesmo isso...

O meu último texto foi a respeito do MePergunte, a versão nacional, tupiniquim, verde e amarela, 100% brasileira com muito orgulho com muito amor do Formspring.

Logo após ter publicado aquele texto me veio um pensamento a respeito das redes sociais do Brasil.

Já repararam como não há ABSOLUTAMENTE NADA, NENHUMA novidade entre as redes sociais brasileiras? A grande maioria (para não falar todas) não passam de cópias de redes sociais que fazem muito sucesso lá fora. É só ver:
  • FormSpring: MePergunte e MeResponda (já falecido).
  • Twitter: Gozub (já falecido).
  • Yahoo Respostas: Tudo Responde, Qual a resposta, Duvida.net, Perguntinhas (ja falecido), Brasigo (já falecido).
  • Technorati: BlogBlogs (já falecido).
  • LinkedIn: Ikwa (já falecido).
  • Orkut e Facebook: Gazzag (já falecido), UOLkut (já falecido), Beltrano (já falecido), 1Grau (já falecido), NetQi (já falecido), Clubao (já falecido), Kibop (já falecido), Muvuca (já falecido). Nossa, que cemitério.
E as cópias do Digg então? Dá para dizer pelo menos cinco existentes e cinco que deixaram de existir.

E algumas dessas redes sociais não passam de cópias feitas exclusivamente para o público brasileiro. O que até tem sentido, afinal de contas, sejamos realistas, o internauta brasileiro médio sequer domina o português. Que dirá o inglês.

E essas cópias acabam tendo uma visitação ridícula se comparada com os originais. Novamente o caso do Digg. Enqunto o original é altamente visitado e chega a causar o temido (para o pessoal que faz suporte de servidores) efeito Digg, as cópias nacionais mal tiram o apetite e sono de quem faz o suporte.

E por ter uma visitação bem pequena, não duram muito tempo. É só olhar a grande quantidade de sites que já partiram dessa para melhor. E vai acontecer a mesma coisa com o MePergunte. Não dou 3 anos para o site partir dessa para uma melhor.

E nisso, a bolha 2.0 vai inchando e inchando cada vez mais.

MePergunte, o FormSpring orkutizado.

Para quem não sabe do que eu estou falando, eu explico. O FormSpring é uma rede social que consiste de responder perguntas feitas pelos outros. Eu inclusive tenho uma conta por lá (já fiz o anúncio outrora da minha conta). Quem quiser fazer perguntas para mim por lá, sinta-se a vontade.

Baseado no sucesso dessa rede social e sem muita criatividade para criar algo novo, brasileiros decidiram criar o MePergunte, a versão nacional, verde e amarela, 100% brasileira com muito orgulho, com muito amor do FormSpring. Também tenho uma conta por lá e fica o mesmo convite feito no parágrafo acima.

Só que dá uma olhada no pessoal que frequenta o MePergunte. Não lembra um determinado site de relacionamento que tanto conhecemos? Um site de relacionamento que nós tanto amamos odiar?

Pois é. É a versão orkutizada do Formspring.

Pronto. Agora podem os defensores dos frascos e comprimidos me chamar de classista e ir me xingar muito no Twitter.
 

Eu sei quem você é

Em sei quem você é, de onde você é o que você está usando para acessar a Internet. Duvida? Então toma:


Powered by IPAddressLocation.org

Se quiser me xingar, vai em frente. Mas o seu IP ficará registrado.

Feeds do blog

Assine o feed do blog
Assine o RSS.

Insira seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

Onde me encontrar

Onde podem me encontrar

Histórico

Texto aleatório

ALEA IACTA EST