Pesquisar este blog

Como descobrir um país que jamais irá para frente.

Há como descobrir um país que jamais irá para frente? Sim. Há. E é fácil. É só ver se nesse país acontece coisas como a que aparece na imagem abaixo:


Se acontece coisas como essa, pronto, você acabou de descobrir um país que jamais irá para frente.

Encontrei essa imagem com essa coisa grotesca nessa página do Facebook. Pois é, de vez em quando as redissociais têm algo que presta.

Como foi dito na página do Facebook, desrespeito ao professor, a gente vê por aqui. Aliás, desrespeito ao professor é pouco para classificar o que aconteceu nessa imagem. E o pior é que embaixo da cena aparece a mensagem "Se você já fez isso compartilhe...", e teve muito aprendiz de delinquente que compartilhou essa imagem com a maior alegria (é só olhar o círculo vermelho da imagem).

E o pior é que esses aprendizes de delinquente são covardes, pois fizeram isso pelas costas. Por que não fazem isso na cara do professor?

Até imagino dois cenários em que isso aconteceu. Ou foi numa escola pública em que aluno se sente no direito de esmurrar de vez em quando um professor, ou foi numa escola particular em que alunos adoram dizer a adorável frase "meu pai paga essa porra!!" e tratam professores como seus funcionários ou como capacho.

E imagino um terceiro cenário. Tanto na escola pública quanto na escola particular, vão dizer que a culpa dos aprendizes de marginal terem feito isso foi do professor, que certamente, deve ter feito algo que irritou os aluninhos. A culpa é do professor, como sempre.

E numa situação dessas vale recorrer àquele clichê: Escola não educa, quem educa são os pais. Agora se nem os pais educam, não vai ser professor que servirá de pai, mãe e babá, e não vai ser a escola que vai dar educação a esses animais.

Comédia MTV e a maior quantidade de indiretas que eu já vi.

Eu devo ter sido uma das últimas pessoas no Brasil (e quiçá no mundo) a ter visto esse vídeo do Marcelo Adnet. Esse vídeo abaixo:




Após assistir o vídeo a única coisa que eu posso dizer é: Simplesmente FFFFOOOOOOOOODDAAAAAAAAAA!!!!!!!! Como sempre, mais um trabalho de qualidade do Marcelo Adnet. Um vídeo de Humor, com H maiúsculo mesmo. Se você acha que humor é zorra total, a praça é nossa ou os "stand-ups" do Danilo Gentili, Rafinha Bastos et caterva, por favor, reveja os seus conceitos. Ou então se mata logo de uma vez.

O vídeo é uma paródia ao Roda Viva, cheio de indiretas. Não só indiretas televisivas, como também algumas indiretas políticas e cinematográficas. Nunca vi tantas indiretas na minha vida. Será que alguém consegue pegar todas essas indiretas? Não vale ver a seção de comentários do vídeos e nem pesquisar no Google.

Mas devido a algumas dessas indiretas, fiquei com o pressentimento de que o Adnet jamais será chamado para trabalhar na Rede Globo. Azar o da Globo. Que ela continue com os zorras totais e casseta e planeta da vida.

O cyberativismo, a moral de cueca e o jogo em flash mais fófis e cuti-cuti já lançado

Todos os meus 3,14159262... leitores sabem que eu não dou a mínima para cyberativismo, campanhas de internet e outras coisas similares, porém nem sempre foi assim. Há alguns anos (ainda nos primórdios desse blog) eu participava, divulgava e apoiava algumas dessas campanhas. Só que aí eu pensei (quando eu participava, divulgava e apoiava essas campanhas eu não realizava essa ação) e vi que a esmagadora maioria dessas campanhas eram coisas idiotas, ridículas, estúpidas, bestas e, principalmente, eram coisas que não teriam nenhum resultado prático efetivo. Eu participava das campanhas apenas para aliviar consciência, expiar culpa e mostrar engajamento. Ou seja, era puro sofativismo.

Desde então parei com isso e até hoje eu me arrependo e sinto vergonha de mim mesmo por ter apoiado tais campanhas.

Mas eis que no meio desse mar que é a Internet, encontrei um joguinho em flash super fófis e super cuti-cuti que tenta advertir à população sobre a alta carga tributária que o brasileiro paga. O tal jogo se chama "Jogo da formiga" (o grau de fofura já começa pelo nome) e pode ser jogado clicando na imagem abaixo:

A fofura ainda continua com essa imagem.

Depois de devidamente apresentados ao joguinho e de terem jogado um pouco, o que vocês têm a dizer? Que jogo mais cuti-cuti e fófis, não é verdade? Além de muito divertido, educativo e caga-regra que passa lições de moral de cueca de vida altamente valiosas. Lições como: Usa pirataria? A culpa de todas as desgraças que acontecem no mundo é sua e correlatas.

Inclusive o joguinho é um dos preferidos do pessoal do Instituto Millenium, aquele ajuntamento de, como diria o saudoso George Carlin naquele vídeo "Save the planet", burgueses liberais branquelos.

Realmente eu acho que a carga tributária do Brasil é algo problemático. Principalmente pelo fato dela ser alta, uma parte dela não chegar ao seu destino por causa da corrupção e o fato dos pobres pagarem mais impostos que os ricos (sim, matéria da Folha, a.k.a. imprensa golpista). Mas isso é oooooooooooooooooutra história.

Porém não vai ser com uma coisa ridícula dessas com um joguinho em flash tão fófis e cuti-cuti que essa conscientização vai se realizar.

E para terminar essa ópera-bufa, o suprassumo (acho que é assim que se escreve agora) do sofativismo. O joguinho pede para que você assine um abaixo-assinado.

Depois dessa, querem que eu leve o sofativismo a sério? Vão sonhando...

Colida um asteroide no planeta.

E veja quais os efeitos terá essa colisão a partir de uma certa distância do local da colisão. É isso que faz um simulador de impactos de asteroides criado pela universidade de Purdue.

No site você pode inserir dados do asteroide, como o tamanho, a densidade, a velocidade e o ângulo de impacto, o local do impacto (se em terra firme ou em águas profundas) e quanto de distância você está do impacto.

Após inseridos os dados, são retornadas informações a respeito da velocidade de entrada do asteroide, do tamanho da cratera transiente e da cratera final resultante do impacto, a energia liberada pelo impacto, o intervalo de tempo que demora para que um asteroide desse tamanho colida na terra e efeitos do impacto no planeta.

E a partir da distância do impacto, qual o tamanho da bola de fogo resultante do impacto, quantas vezes ela aparentará ser maior que o Sol, a quantidade de fluxo de radiação térmica e quais os efeitos que essa provoca (queimar roupas, jornais, grama, provocar queimaduras de 3º grau), os efeitos sísmicos (quantidade de graus na escala Richter e os efeitos dessa), a velocidade do fluxo de ar, a pressão do fluxo de ar, a intensidade sonora (em decibéis) causada e os efeitos que esse fluxo de ar pode ocasionar, o tamanho dos fragmentos da colisão e quanto tempo depois os fragmentos chegarão ao local e (no caso de colisão em águas profundas), o tamanho da tsunami gerada pela colisão.

Descobri esse site através desse texto do MeioBit a respeito de um asteroide que tem uma probabilidade considerável de se colidir com a Terra em 2040 e quais seriam os eventuais efeitos dessa eventual colisão.

Quem produz o que está no supermercado

Achei uma imagem muito interessante mostrando as 10 empresas que controlam praticamente tudo aquilo que se produz para ser vendido no supermercado e que vai parar no seu carrinho de compras. A imagem é essa abaixo (clica que aumenta):


A quem não está reconhecendo os conglomerados. Coca-Cola, PepsiCo, Kraft, Nestlé, P&G, Johnson & Johnson, Unilever, Mars, Kellog's e General Mills.

Alguns desses produtos não são comercializados no Brasil, porém a grande maioria é. Curioso foi ver que a Nestlé (tão conhecida por cusa dos chocolates) produz ração para gato e cachorro e perfume. Porém a imagem precisa de uma atualizada. Cadê a Mabel? Sim, Mabel, aquela que produz biscoitos e salgadinhos. Recentemente a PepsiCo comprou a Mabel.

E a imagem poderia muito bem colocar a Ambev, não poderia? Mas de qualquer maneira, com uma empesa a mais ou uma empresa a menos, todo mund concorda que se trata de um oligopólio.
 

Eu sei quem você é

Em sei quem você é, de onde você é o que você está usando para acessar a Internet. Duvida? Então toma:


Powered by IPAddressLocation.org

Se quiser me xingar, vai em frente. Mas o seu IP ficará registrado.

Feeds do blog

Assine o feed do blog
Assine o RSS.

Insira seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

Onde me encontrar

Onde podem me encontrar

Histórico

Texto aleatório

ALEA IACTA EST