Pesquisar este blog

Candidata ao prêmio Darwin do dia.

O que me levou a escrever mais um texto no blog foi um questionamento muito sério, muito pertinente e muito importante feito por essa série de tubos. O tal questionamento feito foi esse abaixo:


Sim, foi esse o questionamento feito nessa série de tubos. Antes que perguntem, essa pergunta foi feita num site chamado Qual A Resposta, um site que é uma cópia nacional do Yahoo! Respostas, como vários que existem por aí. E é uma cópia em tudo, principalmente no índice MPPF (Merdas Por Perguntas Feitas), como vários que existem por aí.

O que vocês acham gente? Será que faz mal ela seguir essa dieta todo santo dia? Acho que não. Bem, deixemos que ela continue consumindo esses produtos e seguindo essa rotina altamente saudável. Darwin está de olho e o que é dela Darwin está guardando.

Como eu não tinha pensado nisso?

Depois de três semanas, volto a escrever aqui no blog. E o que me impulsionou a esrever escrever foi essa imagem que eu vi (como não poderia deixar de ser) lá naquelas bandas do Facebook:


Sim, foi essa imagem. E sim, a reportagem a que essa porcaria de imagem se refere é aquela reportagem do Fantástico em que um "vidente" diz detalhes da vida da pessoa olhando o perfil dela no Facebook. E a reportagem é baseada naquele vídeo feito pela federação de bancos da Bélgica. Vídeo esse que eu conheci a partir desse texto do André.

Ou seja, o Fantástico decide fazer um alerta para aqueles que expõem em demasia detalhes da sua vida pela Internet (mais precisamente, no Facebook), alerta a respeito de como os criminosos digitais usam esses detalhes para aplicar os seus golpes, mostra exemplos de golpes aplicados na vida real, mas para o débil mental que criou a imagem, o Fantástico fez a reportagem explorando as "fragilidades da rede social" (que eu saiba, a única fragilidade exposta na reportagem foi a das pessoas que expõem detalhes de suas vidas de forma quase que irresponsável) porque - peraí que eu estou segurando os risos - o Facebook está tirando a audiência do grande satã do Jardim Botânico, está fazendo as pessoas visualizarem fotos (???????), está fazendo as pessoas se comunicarem mais com seus amigos, está fazendo as pessoas conhecerem novas pessoas e lugares - ainda segurando os risos - e está fazendo com que as pessoas "pensem" por si mesmas.

UAHUAHUAHUHAUHAUUHAUAHUAH
HAHUAHUAHUAHUAHUUAHUHAUHA
UHAUAHUAHAUHAUHAUAHUAHAUH
AUHAUAHAUHAUHAUAHAUHAUAHH
AUHAUAHUAHAUHAUAHUAHAUHHA
HAHUAHUAHAUHAUHAUHAUHUHAU
AUHAUHAUAHUAHAUHAUHAUAHAU
UAHUAHUAHAUHAUAHUAHAUHAUH

Desculpa gente, não aguentei.

E a imagem termina com o típico apelo sofativista facebookiano, pedindo para que se compartilhe a imagem com essa denúncia muito séria.

E como desgraça pouca é bobagem, recebi de um comentarista a seguinte imagem:


Outro idiota falando a respeito da reportagem do "vidente" e aproveitando para lançar as costumeiras acusações contra a Imprensa Golpista™.

Vale de tudo para combater essa imprensa-golpista-burguesa-conservadora-fascista-reacionária-autoritária-malvada-feia-chata-boba-elitista-racista-branca-de-olhos-azuis, como publicar imagem idiota criticando reportagem e "começar uma guerra", compartilhar texto escrito por "amiga de uma amiga", mas fazendo tudo isso num site de relacionamento bonzinho e que jamais faria coisas como, por exemplo, vender os nossos dados para empresas e governos, tentar calar quem denuncia essa venda de dados, ou então excluir conta de usuário por causa de Ativismo Político.

E, para demonstrar de vez a ignorância de quem criou a imagem, a imagem critica uma reportagem do Fantástico, mas exibe uma foto do Faustão. Caso encerrado, meritíssimo.

Propagandas eleitorais. Como são e como se fazer uma.

Acompanhem o vídeo abaixo:

 
Link para o vídeo

Trata-se de uma explicação simples, direta e bastante didática do que são as campanhas eleitorais e de como fazer uma. O interessante é que esse modelo didático tem como exemplo as eleições municipais, mas se encaixa perfeitamente nas eleições estaduais e federais.

Sim, é uma campanha eleitoral veiculada em blogs a pouco menos de 15 horas do começo do processo eleitoral. Será que a justiça eleitoral, a pretexto de "garantir o exercício da democracia", vai ralhar com esse texto? Sim, pois, a pretexto de "garantir o exercício da democracia", as leis eleitorais dizem como você deve se vestir para ir votar, como adesivar o carro ou pintar a casa, dizem que você não pode falar nada de negativo de nenhum candidato, autorizam que se censure e tire do ar redes sociais, mas em compensação proíbe que eleitores, mesários e fiscais sejam presos às vésperas das eleições. Maravilha, não acham?

Encontrei esse vídeo no blog O Cachete.

Links da semana - 32.

Hoje é sábado, 6 de outubro de 2012. Estamos a menos de 24 (ui!) horas da palhaçada "festa da democracia" que são as eleições municipais. Enquanto não chega a hora desse evento tão esperado e aguardado por todos, fiquem com os textos abaixo:
E é isso aí. Aproveitem as leituras e estejam preparados para amanhã, na "festa da democracia".

Uma imagem que vale, sim, ser compartilhada.

Ao contrário do texto que eu escrevi a mais de um ano atrás, dessa vez o texto vai ser sério.

A imagem que é para ser compartilhada veio, como era de se esperar, do Facebook. Mas antes de mostrar qual é essa imagem, gostaria de fala sobre esse negócio de compartilhar imagens.

Primeiramente gostaria de dizer que eu odeio (odeio mesmo, do fundo de minh'alma) esse negócio de compartilhar imagens em prol de uma causa. E por dois motivos:

O primeiro motivo é que esse negócio é uma tremenda cagação de regra. E como toda cagação de regra, é algo idiota e ridículo. Quer dizer então que se eu não compartilho uma imagem dizendo ser contra alguma coisa, eu sou a favor daquela coisa? Quer dizer que se eu não compartilho imagem dizendo discordar de algo, eu concordo com aquilo? Para esse pessoal que compartilha essas imagens, se P então Q é equivalente a se não-P então não-Q. Para quem entende um mínimo de lógica e conhece tabelas-verdade sabe que isso é idiotice.

E o segundo motivo é que isso é inútil. Compartilhar imagens vai mudar alguma coisa? Posso ser a pessoa mais contrária à pedofilia nesse mundo, compartilhar uma imagem dizendo "Se você é contra a pedofilia, compartilhe" não vai mudar NADA. Ou por acaso criancinhas deixarão de ser molestadas e pedófilos serão enjaulados depois que eu compartilhar essa imagem?

Bom, encerrado o monólogo, falta mostrar a imagem. É essa abaixo.



Sim, tem a ver com o massacre que tem sido cometido contra o Monteiro Lobato (em geral feita por pessoas que nunca leu os livros dele e só conhecem Sítio do Picapau Amarelo por causa da Rede Globo) nesses últimos anos, alegando que ele era racista, eugenista, sexista e qualquer-outra-merda-ista e que as obras deles continham toques de racismo.  Uma das acusações de racismo vem do conto "A Negrinha", e a outra acusação vem do livro "As caçadas de Pedrinho", por causa da frase "Tia Nastácia, esquecida dos seus numerosos reumatismos, trepou, que nem uma macaca de carvão". Curioso isso. Curioso porque associaram a frase ao fato dela ser negra. É interessante para ver quem são os verdadeiros racistas e preconceituosos dessa história.

Acho difícil (aliás, quase que impossível) que compartilhar essa imagem tenha algum efeito, principalmente naqueles parvos que comandam o ministério da verdade da educação, mas se for para fazer com o pessoal pensar (e não "pensar", que é quando o sujeito reflete a respeito de um problema que ele nunca tinha ouvido falar durante cinco minutos e depois se esquece de toda reflexão e nem volta a se informar mais a respeito do problema), então é válido. E se for para irritar a gentalha pogreçista e os helmintos da correção política que estão promovendo esse massacre contra o Monteiro Lobato, então é ainda mais válido.

E para quem continuar fazendo esse massacre contra o Monteiro Lobato, faço uma pergunta: Vocês topariam deixar de defender a Petrobrás? Sim, pois, se hoje tem prospecção petrolífera no Brasil foi porque Monteiro Lobato dizia que havia petróleo no Brasil, enquanto que os outros diziam que isso era maluquice e que ele estava delirando. E se hoje tem Petrobrás, foi graças a ele que criou a campanha "O petróleo é nosso". E aí, topam?
 

Eu sei quem você é

Em sei quem você é, de onde você é o que você está usando para acessar a Internet. Duvida? Então toma:


Powered by IPAddressLocation.org

Se quiser me xingar, vai em frente. Mas o seu IP ficará registrado.

Feeds do blog

Assine o feed do blog
Assine o RSS.

Insira seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

Onde me encontrar

Onde podem me encontrar

Histórico

Texto aleatório

ALEA IACTA EST