Pesquisar este blog

Crônicas de uma semana sem computador.

Uma rapidinha.

Caso vocês não tenham percebido, fiquei cerca de uma semana sem computador em casa. É que aconteceu um probleminha com ele. Nada de grave, foi apenas a fonte que queimou. Bastou trocá-la e pronto. Voltou a funcionar normalmente.

Claro que, com uma semana sem uso, algumas coisas acabaram se passando. Até tem Internet onde eu trabalho, mas no trabalho eu uso Internet para trabalhar, aprendam crianças. E mesmo porque, alguns dos sites que eu costumo visitar são bloqueados pelo proxy da empresa, como deveria ser em toda empresa que se preze.

A questão é que depois de uma semana fui visitar esses sites para ver o que eu tinha perdido:
  • Fui ver os blogs que costumo visitar e vi que perdi bastante coisa.
  • Fui ver os meus RSS e vi que perdi bastante coisa.
  • Fui ver os portais de notícia que costumo visitar e vi que perdi bastante coisa.
  • Fui ver a minha timeline do Twitter e vi que perdi bastante coisa.
  • Fui ver a minha timeline do Tumblr e vi que perdi bastante coisa.
  • Fui visitar alguns (poucos. Aliás, pouquíssimos) podcasts que eu costumo ouvir e vi que perdi bastante coisa
  • E, finalmente, fui ver a minha timeline do feicibosta feicibuqui faceburro Facebook e vi que não perdi nada.
Pois é. E ainda tem gente que se acha o máximo por ter uma conta lá no feicibosta Facebook. Será que esse pessoal que se acha o máximo por por ter uma conta por lá sabe que em alguns lugares e para algumas pessoas o Facebook já deu o que tinha que dar? Como um colega de trabalho disse uma vez, Facebook é lugar de gente que não tem nada o que fazer da vida. E é verdade. Um bando de babacas querendo ser popular a todo custo e querendo dar uma de engajadinho com as causas sociais é de enjoar mesmo.
"Mimimi, e por que você ainda continua com a sua conta por lá."
Eu continuo com a minha conta por lá porque aquele lugar tem servido como um ótimo repositório de material para os meus tumblrs (na minha opinião o Tumblr é a melhor rede social que já existiu, mas isso é assunto para um fortuito texto). Só por isso. Não fosse por isso, já tinha ralado peito da redinha de marquinho zumquerberger há muito tempo, ainda mais sabendo o grande filho da puta que é o marquinho zumquerberger (que o diga o amigo brasileiro dele) e ainda mais com o feicibosta mostrando as garras e destruindo aos pouquinhos a Internet.

E do jeito que eu ando enfarado (pelo visto o corretor ortográfico do Firefox é analfabeto. Essa palavra existe sim e é sinônimo de enfadado ou de entediado) da rede do "F" branco num quadrado azul marinho de cantos arredondados, cheguei a cogitar fazer algo que até então eu sequer imaginava. Cheguei a cogitar criar uma conta para mim no Google+. Até alguns meses atrás pensava a mesma coisa do Twitter e atualmente acho ele muito melhor que o Facebook e me informo muito mais pelo Twitter do que pelo Facebook.
 

Eu ainda sei de onde você é

Não sei o que aconteceu que o script do IP Address Location pifou, mas eu ainda continuo sabendo onde você está (especialmente se você estiver numa escola ou universidade pública ou qualquer órgão ou empresa estatal).

Se quiser me xingar, tudo bem, vai em frente, mas seu IP vai ficar registrado. E ai se for de uma escola ou universidade pública ou qualquer órgão ou empresa estatal, pois você estará me xingando e usando meu dinheiro para fazer isso.

Últimos textos.

Feeds do blog

Assine o feed do blog
Assine o RSS.

Insira seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

Histórico

Texto aleatório

ALEA IACTA EST