Pesquisar este blog

Quando a realidade consegue ter mais senso de humor negro que o Lucho.

Todo mundo ficou sabendo do tiroteio que aconteceu na sede do YouTube na terça-feira. Para variar, mais uma notícia vinda dos Estados Unidos de um maluco que decidiu chegar num lugar e sair atirando a esmo e para tudo quanto é lugar e para tudo quanto é pessoa.

... e neste exato momento uma grande discussão surge entre os desarmamentistas que acham que armas deveriam ser restringidas pois só causam violência contra os armamentistas que acham que armas não matam pessoas pessoas matam pessoas e que se tivesse gente armada na sede do youtube isso não teria acontecido. Desculpa, mas o foco do texto não é esse. Existem milhares de blogs políticos lá no esgoto falando sobre tudo isso. Vai lá lê-los (mas se proteja antes)...

Por ter sido onde foi, já saíram algumas piadinhas envolvendo o YouTube e sua política de monetização de conteúdos, cada vez mais "draconiana e restritiva" (devia ter muito mais aspas, já que a atual política do tubo exige que o canal tenha, ao menos, mil inscritos e 4 mil horas de visualização nos últimos 12 meses. O que eu acho mais do que justo). Eu, como não valho nada, também deixei minhas piadinhas.



Pois é, eu disse que não valho nada. E vocês foram avisados.

E eis que as informações começaram a ser reveladas. Primeiro que era uma atiradora (ao menos eu me surpreendi, já que quase sempre são homens que fazem isso), de 39 anos (quase sempre são jovens. Outra coisa que me surpreendeu), iraniana (já isso não me surpreendeu), vegana e ativista da defesa dos animais (ué? Não são os onívoros carnívoros carnistas que são os fascistas armamentistas reacionários? E mais uma vez o Robson Fernando está no quarto escuro chorando por saber que existem vegans reaças).

Mas agora é que vem o filé mignon, vem a melhor parte (e vem a parte do humor negro). Segundo esta notícia, a atiradora era uma youtubeira que primeiramente teve vários dos seus vídeos desmoedados, para logo em seguida ter vários dos seus vídeos banidos, para logo em seguida ter vários de seus canais banidos e a partir disso fazer vídeos dizendo-se ser uma floquinha de neve especial perseguida e discriminada e dizendo o quanto odiava a empresa (usar os recursos do YouTube para dizer o quanto odeia o YouTube. Nem para isso o Vimeo serve).

Não houve mortes na sede da empresa, porém três funcionários ficaram feridos (um deles em estado crítico) e a youtubeira atiradora acabou se matando (isso seria o banimento definitivo dela do YouTube? Pois acho que só assim para remover definitivamente uma conta no tubo). Que bom que a polícia não precisou gastar uma bala que fosse com ela.

Pois é. A piada de que seria um youtubeiro indo tirar satisfação por conta de dinheiro... ERA VERDADE!!!!!!!! A atiradora era uma youtubeira que queria tirar satisfação por conta de desmonetização de vídeos. Não é que eu estava certo? Aí André, não é só você que está sempre certo. A realidade consegue ter um senso de humor negro muito maior do que eu jamais vou conseguir ter.

Já pensou se a moda pega? Principalmente por estas plagas? E principalmente porque o youtubeiro brasileiro típico desconhece esse conceito exógeno e quase alienígena chamado emprego. Portanto, é melhor vocês darem esmola toda vez que encontrarem um youtubeiro mendigo pedinte por aí. Vai que ele surte de repente. E é melhor também os escritórios da Google em São Paulo e Belo Horizonte começarem a se proteger e contratar seguranças, vigias armados e empresas de segurança privada.
 

Eu ainda sei de onde você é

Não sei o que aconteceu que o script do IP Address Location pifou, mas eu ainda continuo sabendo onde você está (especialmente se você estiver numa escola ou universidade pública ou qualquer órgão ou empresa estatal).

Se quiser me xingar, tudo bem, vai em frente, mas seu IP vai ficar registrado. E ai se for de uma escola ou universidade pública ou qualquer órgão ou empresa estatal, pois você estará me xingando e usando meu dinheiro para fazer isso.

Últimos textos.

Feeds do blog

Assine o feed do blog
Assine o RSS.

Insira seu e-mail:

Delivered by FeedBurner

Histórico

Texto aleatório

ALEA IACTA EST